×

Cidades

Greve anunciada para quarta-feira é suspensa após intermediação da prefeitura

O sistema funcionará dentro da normalidade, mas será fiscalizado desde às 4h da manhã pela SMTU - foto: Arquivo/Diário Manauara

O sistema funcionará dentro da normalidade, mas será fiscalizado desde às 4h da manhã pela SMTU – foto: Arquivo/Diário Manauara

 

Publicidade

A paralisação anunciada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Manaus para acontecer nesta quarta-feira (23), está suspensa. A decisão foi tomada pelos dirigentes sindicais depois de uma reunião que aconteceu na manhã desta terça-feira (22), na prefeitura de Manaus. Com isso, o sistema funcionará dentro da normalidade, mas será fiscalizado desde às 4h da manhã pela Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), que acompanhará a saída dos ônibus das garagens das empresas.

De acordo com o chefe da Casa Civil, Márcio Noronha, durante a reunião, o presidente do Sindicato dos Rodoviários, Givancir Oliveira, elencou alguns pontos que, segundo ele, prejudica os trabalhadores. O dirigente citou situações como punição a trabalhadores, mudança de itinerários de linhas sem consulta prévia e a discussão em torno da substituição de cobradores por sistema automatizado, sugerido pela Secretária de Segurança Pública (SSP).

“Todos estes assuntos podem ser discutidos sem que haja interrupção do serviço. Ouvimos todas as reivindicações e aquilo que estiver ao nosso alcance, como a mudança de linhas, será tratada dentro da razoabilidade. O que for de competências das empresas será discutidos por nós junto ao Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram)”, assinalou Noronha.

O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Givancir Oliveira, disse que a intenção do sindicato não é prejudicar a população que usa ônibus, mas sim garantir os direitos dos trabalhadores - foto: Arquivo/Diário Manauara

O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Givancir Oliveira, disse que a intenção do sindicato não é prejudicar a população que usa ônibus, mas sim garantir os direitos dos trabalhadores – foto: Arquivo/Diário Manauara

 

Para Givancir, a intenção do sindicato não é prejudicar a população que usa ônibus, mas sim garantir os direitos dos trabalhadores. “Este diálogo é fundamental. Vamos continuar sempre reivindicando o que achamos certo. Não teremos greve”, afirmou.

Participaram da reunião, além de Givancir Oliveira, o vereador Jaildo dos Rodoviários, e representantes da SMTU, Casa Civil e Procuradoria Geral do Município (PGM).

Com informações da assessoria

Comentários