×

Cultura

Ponta Negra se consolida como palco esportivo, cultural e de lazer

Os interessados em utilizar áreas do complexo para eventos e/ou ações deverão preencher o requerimento padrão de solicitação, que consta no site do Implurb

Ponta Negra se consolida como palco esportivo, cultural e de lazer

Complexo turístico Ponta Negra (Foto: Divulgação/Semcom)

Manaus (AM) – Em 2023, o complexo turístico Ponta Negra autorizou 163 eventos no espaço, incluindo corridas, campanhas, ações publicitárias, entre outros, confirmando a vocação do parque da Prefeitura de Manaus como palco de alguns dos maiores eventos na capital.

Todo e qualquer evento realizado na Ponta Negra deve ser previamente autorizado pela comissão gestora do complexo, por meio do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb). E para todas as atividades autorizadas pelo órgão existem regras a cumprir pelo promotor, sujeitas à penalidade e sanções previstas na legislação em vigor.

Publicidade

Os interessados em utilizar áreas do complexo para eventos e/ou ações deverão preencher o requerimento padrão de solicitação, que consta no site do Implurb, que contém todas as informações necessárias para futura autorização, incluindo detalhes da proposta, estimativa de público, área sugerida, responsável técnico (se houver) e contatos em geral.

Na formalização do pedido deve constar o CNPJ ou CPF do interessado, telefone do responsável/procurador, a definição do espaço pretendido, data do evento e, caso haja necessidade de montagem e desmontagem de estrutura, data de início e término, com breve descrição da ação a ser realizada e equipamentos, como carro de som, banners, barracas, gradis, banheiros químicos, entre outros.

Conforme a quantidade de público, o evento é considerado de pequeno (até 199 pessoas), médio (até 999 pessoas) e grande porte (a partir de 1.000 pessoas). O requerimento deve ser entregue na sede do complexo (na avenida Coronel Teixeira, s/n, Ponta Negra, zona Oeste), no final do calçadão, em horário comercial, para o responsável administrativo.

“A solicitação deve ser efetuada com o mínimo de 15 dias de antecedência para que a autorização seja expedida em tempo hábil e a viabilidade da data requisitada seja consultada previamente”, explicou o coordenador da comissão, Alberto Maciel.

A solicitação deve ser enviada ainda por e-mail para parquepnegra@hotmail.com e em caso de dúvida os interessados podem entrar em contato pelo (92) 98842-2226.

Obrigações

Entre as principais obrigações, está a proibição de uso de materiais que degradem o piso do complexo, não podendo perfurar, fincar, escavar ou parafusar qualquer tipo de dispositivo ou estrutura no calçadão da Ponta Negra. Também é proibido usar as instalações elétricas do espaço, que são de uso exclusivo da administração, devendo o responsável providenciar a própria fonte de energia.

Ainda faz parte das orientações que seja providenciado um banheiro químico a cada 200 pessoas presentes. A emissão da autorização fica sujeita a outras autorizações necessárias de órgãos públicos, de acordo com o porte da ação, como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Superintendência de Patrimônio da União (SPU).

Vale lembrar que a Ponta Negra tem o projeto da faixa liberada para uso da população as quartas, das 16h às 22h, e aos domingos, das 6h às 12h, constituindo-se em uma área ampliada para a prática de atividades físicas ao ar livre, tendo como imagem o complexo e o belíssimo rio Negro.

*Com informações da assessoria