×

Publicidade

Amazonas

Wilson recebe viaturas de Bolsonaro para reforçar segurança na fronteira

Amazonas é um dos 12 estados que recebeu equipamento por meio do programa VIGIA do Ministério da Justiça

A solenidade foi em Brasília, na sede do ministério (Foto: Diego Peres/Secom)

Manaus (AM) – O governador do Amazonas, Wilson Lima, recebeu, do presidente da República, Jair Bolsonaro, nesta quinta-feira (25), viaturas caracterizadas que vão fortalecer o trabalho de policiais que atuam no Programa Nacional de Segurança nas Fronteiras e Divisas (VIGIA). As entregas foram realizadas pelo Governo Federal, por meio do Ministério da Justiça e Segurança Pública, para 12 estados e para a Polícia Federal. A solenidade foi em Brasília, na sede do ministério.

Publicidade

“Levando em consideração que a gente faz fronteira com a Colômbia e com o Peru, e há uma importante rota do tráfico de drogas no Solimões, isso se soma ao esforço que já é feito pelo Estado. E dentre as ações que a gente tem em parceria com o Governo Federal, destaca-se a Base Arpão. Vamos conseguir aumentar esse nosso poderio, essa nossa estrutura, para combater o tráfico de drogas”, disse Wilson Lima.

Ao todo, o ministério entregou 230 viaturas aos estados. Segundo o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, o programa VIGIA tem repassado aos estados, além de viaturas, óculos de visão noturna, capacetes, placas de proteção balística, kits de atendimento pré-hospitalar tático e binóculos que utilizam tecnologia térmica avançada. Um total de 2 mil itens.

“Combater a criminalidade organizada é uma tarefa que exige inúmeras frentes de trabalho coordenadas. A ação em nossas fronteiras e divisas é crucial para impedir que o Brasil seja via fácil para o tráfico internacional de drogas, o contrabando, o tráfico de pessoas e demais crimes”, disse Anderson Torres, durante discurso.

Garimpos –  Wilson Lima também conversou com o ministro da Justiça sobre a presença irregular de garimpeiros na região do Rio Madeira, próximo ao município amazonense de Autazes. Embora a competência de atuação na área seja federal, o Governo do Estado está à disposição para atuar em parceria com os demais órgãos

“Essa é uma situação que nos preocupa. Já tem um efetivo mobilizado por parte do Governo do Estado. Nossas forças de segurança já estão à disposição, assim como agentes do nosso Ipaam, que é o nosso Instituto de Proteção Ambiental. O ministro me falou que juntamente com (o ministério da) Defesa estão planejando uma estratégia”, disse o governador.

*Com informações da assessoria

Comentários

error: O conteúdo está protegido !!