×

Esportes

Voleibol sentado amazonense garante permanência na Série Ouro do campeonato 2024

O Adefa/Estrela do Norte, único representante do Norte na competição, conquistou duas vitórias e ficou com o 7º lugar geral

Voleibol sentado amazonense garante permanência na Série Ouro do campeonato 2024

Equipe Adefa/Estrela do Norte (Foto: Divulgação/FME)

Manaus (AM) – O voleibol sentado amazonense está garantido na Série Ouro do Campeonato Brasileiro Masculino de 2024. Na edição deste ano, realizada entre 3 e 10 de dezembro, em São Paulo (SP), a equipe Adefa/Estrela do Norte, apoiada pela Prefeitura de Manaus, foi valente entre os principais clubes do país e se manteve na elite nacional para a próxima temporada. Cinco atletas da equipe foram beneficiados com passagens aéreas, por meio do programa “Manaus Olímpica”, da Fundação Manaus Esporte (FME).

O diretor-presidente da FME, Aurilex Moreira, ressalta a importância da manutenção do Adefa no primeiro escalão da modalidade. “Ficamos muito felizes em saber que a nossa equipe se manteve na elite do vôlei paralímpico. O prefeito David Almeida determina que a gente olhe para todas as modalidades. O trabalho continua, a gente está conseguindo colocar em prática aquilo que nós planejamos. Não veio medalha, mas a permanência deles é muito importante para o vôlei sentado de Manaus, a manutenção entre as principais equipes do país não é qualquer resultado”, afirmou.

Publicidade

O Campeonato Brasileiro Masculino de Voleibol Sentado foi organizado pela Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD), contou com a participação de dez clubes, mais de 160 paratletas, e foi realizado no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro (CTPB), na capital paulista.

O Adefa/Estrela do Norte, único representante do Norte na competição, conquistou duas vitórias e ficou com o 7º lugar geral. O Paulistano, um dos anfitriões, foi o grande campeão ao vencer o Sesi na decisão, por 3 sets a 1. Os atletas do Adefa/Estrela do Norte fazem parte do projeto “Viva as Diferenças”, da Prefeitura de Manaus, que é voltado para o desenvolvimento do esporte em pessoas com deficiência. As aulas e treinamentos acontecem no Núcleo Eldorado, sob coordenação de Wivianne Ferreira, que também foi chefe de delegação na competição.

“Somos gratos a todos e todas que fazem parte do “Viva as Diferenças”, em especial nosso mantenedor, Fundação Manaus Esporte, por todo suporte disponibilizado à equipe que representou a nossa querida cidade de Manaus em mais uma competição nacional. Superamos adversidades e lutamos contra adversários de renome. A manutenção da vaga na série ouro era o objetivo principal da equipe, e o alcançamos”, celebrou.

*Com informações da assessoria