×

Publicidade

Polícia

‘Thiago Magrelo’ é morto a tiros após atentado no Centro de Manaus

Na mesma ação criminosa, a namorada da vítima foi baleada e socorrida para um hospital da capital amazonense.

Thiago Salvador Reis, 27, foi executado com seis tiros (Foto: Divulgação)

Manaus (AM) – Thiago Salvador Reis, 27, vulgo “Thiago Magrelo”, morreu após ser alvejado com seis tiros na tarde desta quarta-feira (17), na rua Marechal Deodoro, no bairro Centro, na Zona Sul de Manaus. A namorada da vítima, Niandra Garcia Pereira, 22, também foi baleada na ação criminosa e socorrida para atendimento médico.

Publicidade

Ao Portal Diário Manauara, uma testemunha relatou que Thiago estava com a namorada e amigos em uma rodada de bate-papo, quando o assassino chegou a pé e efetuou os disparos à queima-roupa.

“O Thiago estava com a namorada conversando com amigos, quando um homem com máscara, de luva e camisa de mangas longas, além de boné, se aproximou do grupo e efetuou os disparos. A ação foi muito rápida, mas outras pessoas da região reconheceram ‘Kevinho’ como pistoleiro, traficante do Primeiro Comando da Capital (PCC) e responsável por outros assassinatos na área”, disse a testemunha ao Portal Diário Manauara, que preferiu não se identificar.

Após a ação criminosa, o pistoleiro correu até o final da rua Marechal Deodoro, e fugiu em uma motocicleta pilotada por um comparsa, que aguardava nas mediações do Porto de Manaus, popularmente chamado de Roadway.

Mesmo ferido, Thiago ainda correu em direção à rua Teodoreto Souto, onde caiu em frente ao banco Itaú, com ferimentos no tórax, abdômen e braço. Em seguida, ele foi socorrido e levado ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Zona Sul, mas não resistiu.

Conforme levantamentos da polícia, a vítima comercializava entorpecentes no Centro Histórico de Manaus. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte da capital.

A companheira da vítima foi encaminhada para o SPA São Raimundo, com tiros no braço e nas nádegas, sendo posteriormente transferida para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul da cidade.

A motivação do assassinato será investigada pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) e pode ter relação com acerto de contas em decorrência do tráfico de drogas.

Comentários

error: Content is protected !!