×

Publicidade

Polícia

Mulher morre após ser esfaqueada em ponto de mototáxi, na Zona Leste de Manaus

Um homem saiu de um carro e desferiu a facada contra a vítima que dormia em uma rede

Euricélia morreu com uma facada na clavícula após dar entrada no HPS Dr. Platão Araújo (Foto: Arquivo/Diário Manauara)

Manaus/AM – A feirante Euricélia Salvino da Silva, 40, morreu após ser esfaqueada na madrugada deste domingo (10), enquanto dormia em um ponto de mototáxi, em frente ao Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Dr. Platão Araújo, na avenida Autaz Mirim, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus.

Publicidade

De acordo com a equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o crime ocorreu por volta das 4h15. Euricélia e o marido, identificado como Ciro Júnior Carneiro, 35, pernoitava no local em uma rede. O casal recebia a quantia de R$ 50 para vigiar o ponto de mototáxi.

Em depoimento, Ciro que trabalha como vigia, disse que acordou com o grito da esposa com ferimento na altura da clavícula direita. Segundo ele, um homem, ainda não identificado, desferiu a facada e depois fugiu em um carro modelo Gol, de cor branca, e placa não reconhecida.

A mulher foi socorrida pelo marido e levada para o HPS Dr. Platão Araújo, mas não resistiu ao ferimento. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte.

Os familiares da vítima também prestaram depoimento na DEHS. Segundo os parentes, Euricélia era usuária de drogas e estava recebendo ameaças de morte por dívidas com alguns traficantes no bairro Mauazinho, Zona Leste.

A equipe da DEHS abriu inquérito para elucidação do assassinato da feirante. Informações que possam levar aos suspeitos poder ser feitas ao número de WhatsApp (92) 99229-6208. O informante terá a identidade preservada.

Publicidade

Comentários