×

Publicidade

Polícia

Motoboy é morto após postar foto com integrantes de facção criminosa

Testemunhas relataram que quatro homens chegaram ao local em um carro Corsa Classic, de cor e placa não reconhecidas.

Ramon ainda foi levado para o SPA Alvorada (Foto: Divulgação)

Manaus (AM) – O motoboy Ramon Martins Pereira, 23, foi executado com vários tiros na noite dessa quarta-feira (31), após atentado na rua Jequié, no bairro Lírio do Vale 2, na Zona Oeste de Manaus. O jovem havia postado foto com grupo de facção criminosa.

Publicidade

Segundo informações da 19ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), o crime aconteceu por volta das 21h30. Testemunhas relataram que quatro homens chegaram ao local em um carro Corsa Classic, de cor e placa não reconhecidas.

Os ocupantes do veículo efetuaram diversos tiros contra Ramon e fugiram sem serem identificados. O motoboy que estava trabalhando no momento do crime, ficou agonizando até ser levado ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Alvorada, na mesma zona.

Apesar dos esforços, Ramon não resistiu aos ferimentos durante o caminho à unidade de saúde. O corpo foi removido por uma equipe do Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte da capital. A vítima deixou esposa e duas filhas.

Conforme a polícia, Ramon não tinha antecedentes criminais. Em depoimento, os familiares disseram que Ramon estava recebendo ameaças de morte após postar foto com integrantes de uma facção criminosa.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que abriu inquérito para prender os autores e desvendar a motivação.

Comentários

error: Content is protected !!