×

Publicidade

EducaçãoPesquisa e Inovação

Unidades Sul participam de seletiva para final da 5ª Feira Municipal de Ciências

39 escolas da Zona Sul participaram de disputas internas (Fotos: Altemar Alcântara/Semcom)

Com o tema ‘A Matemática está em tudo: ressignificando a multidisciplinaridade na aprendizagem’, unidades escolares da Zona Sul de Manaus participaram, na manhã desta quinta-feira (3), no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, da seletiva para a final da 5ª Feira Municipal de Ciências, Tecnologia e Educação Ambiental, da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que acontecerá no dia 27 de setembro. Durante o evento, foram apresentados os projetos desenvolvidos pela Educação Infantil, Ensino Fundamental, Educação Especial e Educação de Jovens e Adultos (EJA).
Para chegar até esta semifinal, 39 unidades escolares da zona Sul participaram de disputas internas nas escolas, chegando a classificação das 12 unidades educacionais entre Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) e escolas municipais de Ensino Fundamental, que se apresentaram nesta quinta.

“Nós fizemos uma reunião envolvendo todo o corpo pedagógico da Divisão, para que juntos pudéssemos trabalhar o tema nas escolas, reforçando a ideia de que a Matemática não é um bicho de sete cabeças e que, mesmo sem querer, fazemos uso dela todos os dias”, explicou a chefe da DDZ Sul, Jecicleide Nascimento.

Um dos objetivos da feira é incentivar a prática e a iniciação científica e tecnológica nas unidades educacionais, que atendem alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental, EJA e Educação Especial. Nesta seletiva, serão premiados os três projetos de cada categoria educacional e os primeiros lugares passarão para a fase final, que acontece no final de setembro.

A secretária da Semed, Kátia Schweickardt, participou da seletiva e falou da importância de trabalhar a matemática em todas as escolas, desde as séries iniciais, como forma de quebrar o tabu e fazer com que a criança entenda que a disciplina está em tudo e não é tão difícil como muitos pensam.

“Nós elegemos o tema “A Matemática está em tudo” e na verdade estamos ensinando aos órgãos de Ciências como as nossas crianças percebem a presença da Matemática com muito mais facilidade que os adultos. A feira está proporcionando o encontro entre gerações e acabar com o tabu sobre a matemática”, afirmou a secretária.

A turma do 9º ano da Escola Municipal Paulo Graça, bairro Parque das Laranjeiras, apresentou o projeto ‘Colmeias Geométricas e suas Vantagens Estruturais’, e falaram sobre as formas geométricas pouco usuais pela sociedade, mas que são utilizadas pelas abelhas na construção das colmeias.

“Nós precisamos estudar formas pouco usadas e quem sabe um dia teremos uma casa num formato hexagonal, coisa que as abelhas fazem facilmente”, disse o aluno Matteo Reis, 12 anos.

Os projetos foram avaliados por três profissionais da área de Ciências, que observaram o trabalho apresentado de acordo com as séries de cada um.

“A feira está bastante interessante, os alunos estão demonstrando domínio dos assuntos, todos os trabalhos estão bem feitos, não está fácil escolher o melhor”, comentou Hiléia Cabral, professora da Universidade Estadual do Amazonas (UEA).

Escolas classificadas para a fase final da Semed:

1. Educação Infantil – CMEI Odete Puga
Projeto: O balé das borboletinhas

2. Ensino Fundamental 1° ao 5° – Paulo Graça
Projeto: Energia

3. Ensino Fundamental – 6° ao 9° – Paulo Graça
Projeto: Colmeias Geométricas e suas vantagens estruturais

4. Educação Especial – André Vidal
Projeto: A riqueza dos pontos turísticos de Manaus no mundo da Matemática

5. EJA 1°Segmento – Nazira Chamma Daou
Projeto: Capacidade de Medidas

6. EJA 2°Segmento – Nazira Chamma Daou
Projeto: Matemática e Poesia

Com informações da assessoria

 

 

Publicidade

Comentários