×

CidadesPolícia

Técnico de manutenção de celular é preso por envolvimento com o tráfico de drogas

Anderson foi autuado, em flagrante, por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito - foto: divulgação/Polícia Civil

Anderson foi autuado, em flagrante, por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito – foto: divulgação/Polícia Civil

O técnico de manutenção de celular Anderson Lopes Medeiros, 31, foi preso em flagrante, na tarde de segunda-feira (17), por envolvimento com o tráfico de drogas. Com o suspeito os policiais civis do 5º Distrito Integrado de Polícia (DIP) encontraram uma arma de fogo, 400 gramas de cocaína e cerca de R$ 3 mil em dinheiro.

Publicidade

De acordo com a titular do 5º DIP, delegada Déborah Barreiros, a prisão de Anderson ocorreu por volta das 13h, na Rua 8, do bairro Colônia Santo Antônio, Zona Norte de Manaus. Anderson começou a ser investigado após o recebimento de denúncias anônimas, informando a comercialização de drogas nas proximidades da residência dele, no bairro Alvorada, zona Centro-Oeste.

“Ao longo das investigações em torno do caso nos deslocamos até o local indicado e observamos a movimentação no lugar. Ao vermos o infrator nós o abordamos e encontramos no interior do carro dele alguns gramas de cocaína. Durante revista na casa de Anderson encontramos mais gramas de cocaína, uma arma de fogo, material para embalo e confecção da droga, R$ 3 mil em espécie e uma balança de precisão. O técnico de manutenção de celular argumentou que comprou o revólver em 2015, por R$ 800”, explicou a delegada Déborah Barreiros.

Déborah Barreiros afirmou que, em depoimento, Anderson confessou vender drogas. Ele relatou à equipe de investigação que teria comprado um quilo da substância ilícita na última quarta-feira (12). O homem já tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas em 2015 e respondia pelo crime em liberdade, utilizando uma tornozeleira eletrônica. Na ocasião, o rastreador foi encontrado carregando na casa dele.

Anderson foi autuado, em flagrante, por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

Com informações da assessoria

Comentários