×

CidadesPolícia

Homem é preso no Porto de Manaus com 20 quilos de ‘skunk’ avaliados em 160 mil

Raimundo foi preso por volta das 18h30, no Porto de Manaus, no momento em que ele estava desembarcando com as substâncias ilícitas - foto: Erlon Rodrigues/Assessoria/Polícia Civil

Raimundo foi preso por volta das 18h30, no Porto de Manaus, no momento em que ele estava desembarcando com as substâncias ilícitas – foto: Erlon Rodrigues/Assessoria/Polícia Civil

Raimundo Costa de Souza, 49, foi preso em flagrante, na noite de segunda-feira (14) por envolvimento com o tráfico de drogas. Com ele, foram apreendidos cerca de 20 quilos de maconha do tipo ‘skunk’, avaliados em R$ 160 mil. A ação foi deflagrada pelo Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv) e Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera).

Publicidade

De acordo com o titular da Derfv, delegado Péricles Nascimento, Raimundo foi preso por volta das 18h30, no Porto de Manaus, no momento em que ele estava desembarcando com as substâncias ilícitas, oriundos do município de Tabatinga, distante 1.108 mil quilômetros da capital amazonense. O caso era investigado há 20 dias.

Nascimento destacou, ainda, que durante os trabalhos foi constatado que uma quadrilha, a quem os entorpecentes apreendidos pertenciam, roubava carros em Manaus e mandava para o município de Tabatinga como pagamento pelas drogas.

“Após 20 dias investigando sobre carros roubados em Manaus, descobrimos uma ligação de pessoas que cometiam o delito aqui na cidade e encaminhavam, por meio de portos clandestinos, os veículos para as cidades de Tabatinga e Maraã, com o tráfico de drogas entre essas cidades, o que resultou na prisão do Raimundo, que servia apenas como “Mula” na organização criminosa”, explicou Péricles Nascimento.
O diretor do Denarc Paulo Mavignier informou as circunstâncias da prisão de Raimundo.

“Fomos acionados pela Derfv e passamos a monitorar a região do Porto de Manaus, pois já sabíamos em qual barco o Raimundo estava vindo e, assim que desembarcou, já nas proximidades da feira da Manaus Moderna, foi quando o abordamos momento antes dele pegar um táxi. Durante a revista constatamos que na bagagem tinha aproximadamente 20 quilos de drogas, divididos em 10 tabletes de dois quilos cada uma”, explicou Mavignier.

Conforme Paulo Mavignier, Raimundo alegou, durante depoimento, que pegou a droga com um colombiano, daquela região, e recebia a quantia de R$ 500, por quilo transportado, e que já era a segunda vez que ele fazia esse tipo de transporte para a cidade de Manaus, via fluvial. O infrator disse, ainda, que não sabia sobre os roubos de veículos, já que sua função era apenas trazer as drogas para capital.

Raimundo foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino.

Com informações da assessoria

Comentários