×

Publicidade

Cidades

Ferry boat ‘Leão de Judá’ colide contra canoa com família em Tefé

Segundo informações, haviam três pessoas na embarcação de pequeno porte. Uma criança teria desaparecido no rio Solimões.

Ferry Boat Leão de Judá (Foto: Reprodução)

Tefé(AM) – O ferry boat “Leão de Judá” passou por cima de uma canoa com família nesta sexta-feira (9). O acidente aconteceu no rio Solimões, nas proximidades do município de Tefé (a 523 quilômetros de Manaus). Informações preliminares davam conta que uma criança desapareceu no naufrágio.

Publicidade

Durante a colisão, passageiros ficaram nervosos e pediram que a tripulação prestasse ajuda, o que não aconteceu conforme relatou um passageiro ao Portal Diário Manauara. Um vídeo foi compartilhado nas redes sociais. A embarcação com passageiros e cargas seguiu viagem normalmente.

“O comandante do ferry boat navegava em alta velocidade e se quer desviou para evitar a colisão. Foi muito triste. Os passageiros ficaram apreensivos e nervosos após o acidente. Foi possível ver três pessoas, aparentemente, todos da mesma família. Havia uma criança nessa canoa, que ficou destruída”, lamentou o passageiro.

Canoa da família atropelada pelo ferry boat (Foto: Reprodução)

Em nota, a Marinha do Brasil, por intermédio do Comando do 9º Distrito Naval, informa que tomou conhecimento, na tarde desta sexta-feira (9), de um abalroamento envolvendo uma embarcação de grande porte e uma canoa, nas proximidades do Porto de Tefé (AM).

Uma equipe de Inspeção Naval da Agência Fluvial de Tefé, subordinada a Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental, foi até o local da ocorrência a fim de realizar a coleta de informações sobre o ocorrido. Não há registro de vítimas.

Será instaurado um Inquérito Administrativo, a fim de apurar as causas, circunstâncias e possíveis responsáveis. Assim que concluído e cumpridas as formalidades legais, o inquérito será encaminhado ao Tribunal Marítimo, que fará a devida distribuição e autuação, dando vista à Procuradoria Especial da Marinha, para que adote as medidas previstas no Art. 42 da Lei nº2.180/54.

Também por meio de nota, a embarcação Leão de Judá informou que o acidente aconteceu às 8h desta sexta-feira (9), ocasião em que duas canoas foram atingidas no momento que atravessavam o lago de Tefé. Uma canoa estava rebocando a outra carregada de mercadorias, o que impossibilitou a visão dos ocupantes da embarcação de pequeno porte de perceberem o ferry boat. 

Ao avistar a situação de perigo, a tripulação do Leão de Judá reduziu a velocidade que era de 11 milhas e buzinou para chamar atenção dos passageiros da canoa. Mesmo usando de todos os recursos necessários, o embalo do ferry boat não permitiu que evitasse a colisão.

Após o abalroamento, os tripulantes socorreram as vítimas que não tiveram ferimentos, causando apenas susto e danos materiais. Em seguida, a embarcação permaneceu no local e uma equipe da Capitania dos Portos foi acionada. Um inquérito foi aberto para investigar os fatos. 

Veja o vídeo: 

Comentários

error: Content is protected !!