×

Cidades

Após bomba d’água queimar, presos fazem motim na cadeia de Lábrea

 O motim ocorreu por volta das 20h, de quarta-feira (28), após a bomba d'água queimar - foto: divulgação/PM


O motim ocorreu por volta das 20h, de quarta-feira (28), após a bomba d’água queimar – foto: divulgação/PM

Um princípio de rebelião e tentativa de fuga de presos que estão à disposição da Justiça foi registrado na carceragem da 6ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Lábrea, município a 702 quilômetros de Manaus. O fato ocorreu por volta das 20h, na noite de quarta-feira (28), depois de a bomba d’água da delegacia apresentar defeito, causando falta de água nas dependências da unidade policial.

Publicidade

De acordo com o titular da delegacia, delegado Carlos Sena, equipes da polícia Civil e Militar foram acionadas para controlar a situação nas celas, onde estão sob custódia da Justiça 65 presos. Não houve a necessidade de emprego da força policial para conter o motim e, também, nenhum detento fugiu da carceragem da delegacia.

As celas dos presos foram revistadas e nelas foram achados celulares, facas e drogas - foto: divulgação/PM

As celas dos presos foram revistadas e nelas foram achados celulares, facas e drogas – foto: divulgação/PM

Durante as buscas nas celas foram encontrados celulares, facas, entorpecentes e um pé de maconha. Conforme o delegado Carlos Sena, pelo menos cinco presos serão autuados em flagrante por tráfico de drogas.

O delegado ressaltou que o conserto da bomba d’água será providenciado pela prefeitura de Lábrea e o abastecimento irá normalizar durante a tarde.

Por meio de nota, a assessoria da Polícia Civil ressaltou que os presos sob custódia não são de responsabilidade da instituição, mas da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap).

Comentários